segunda-feira, 5 de abril de 2010

Ciúmes de você!!!!!!!

*De acordo com a psicóloga Avala Pines, ciúmes é "a reacção complexa a uma ameaça perceptível a uma relação valiosa ou à sua qualidade". Provoca o temor da perda e envolve sempre três ou mais pessoas, a pessoa que sente ciúmes - sujeito activo do ciúme -, a pessoa de quem se sente ciúmes - sujeito passivo do ciúme - e a terceira ou terceiras pessoas que são o motivo dos ciúmes - pivô do ciúme.
Segundo a psicóloga clínica Mariagrazia Marini, esse sentimento apresenta carácter instintivo e natural, sendo também marcado pelo medo, real ou irreal, de se perder o amor da pessoa amada. O ciúme está relacionado com a falta de confiança no outro e/ou em si próprio e, quando é exagerado, pode tornar-se patológico e transformar-se em uma obsessão.
(...)
Nesse tipo de paranóia, a pessoa está convencida, sem motivo justo ou evidente, da infidelidade do parceiro e passa a procurar "evidências" da traição. Nas formas mais exacerbadas, o ciumento passa a exigir do outro coisas que limitam a liberdade deste.
(...)
O lado positivo: protege o amor
Nos relacionamentos onde os sentimentos de ciúme são moderados e ocasionais, ele lembra ao casal que um não deve considerar o outro como definitivamente conquistado. Pode encorajar casais a fazer com que se apreciem mutuamente e façam um esforço consciente para assegurar que o parceiro se sinta valorizado. Ciúme potencializa as emoções, fazendo o amor se sentir mais forte e o sexo mais apaixonado. Em doses pequenas e manejáveis, ciúme pode ser um estímulo positivo num relacionamento. Mas quando é intenso ou irracional, a história é bem diferente.
O lado negativo: prejudica o amor
Às vezes sentimentos de ciúme podem ficar desproporcionais. Por exemplo, quando um homem provoca uma cena embaraçosa numa festa porque a mulher aceita um convite para dançar com um velho amigo ou quando a mulher é tomada de ciúmes excessivos pelo fato de o marido ter uma mulher como chefe no trabalho. Este tipo de reação pode afetar gravemente uma relação, levando o outro parceiro a sentir-se constantemente pisando em ovos para evitar uma crise de ciúme. O parceiro ciumento, muitas vezes ciente de seu problema, oscila entre sentimentos de culpa e auto-justificação. * (Fonte: Wikipedia)

É bom ficar consciente que nem todo ciúmes é considerado uma doença, que ainda não perdi o controle e estou sã. HAHAHAHAHA Não vou precisar de tratamento... AINDA !! uahuahahau
Ciúme é tão incontrolável, tão indesejado na maioria das vezes, que meu... dá até raiva. Odeio sentir ciúmes... Afinal, quem gosta de sentir isso? É aquele sentimento maldoso e ruim que muda sua personalidade, muda seu humor, seus modos (BARRAQUEIRA MODE ON o/).
Essa sou eu (¬¬). Acho que o que acontece comigo realmente é a falta de confiança em mim mesma. As vezes, naqueles dias (as mulheres me entendem) bate uma insegurança forte. Que raiva...! Mas até que meu ego ultimamente tá bem, obrigada. O problema é o maldito ciumes mesmo!! Medo de perder, sei lá... só sei que dá raiva sentir ciúmes as vezes.
Mas eu sou moderada e como dizem, quando moderado é ótimo para o relacionamento. Acredito que no final é controle, um baita controle pra não me jogar em cima das 'bitches'. HUAUHAUHAUA (brincadeira, nem é pra tanto... ¬¬)
Pelo menos hoje em dia eu falo dos meus ciumes e asneiras... coloco para fora essa coisa. Antigamente eu guardava tudo pra mim, o que eu acredito ser bem pior, porque fica acumulando esse sentimento bad em você. Dai já viu ?! Fica só as loucuras na cabeça.
Eu sou um puro exemplo de neuras e paránoias, porém consigo me controlar e dar risada das minhas ciumeiras (um pouco DEPOIS, que fique bem claro kkk). Vou dizer que tem momentos que eu não consigo viu?! As vezes (só as vezes) nasce uma Heloisa (a ciumenta doida da novela Mulheres Apaixonadas) e crio um desejo quase assassino e lutador de ser, como um boxeador, ou lutador de artes marciais auhahuahuahauhuahau Bom... será que preciso de tratamento? kk
Minhas neuras são tão profundas que eu até sonho com as terceiras pessoas me perturbando e tirando o que é meu. É FODA!! Mas o que importa é que, chega forte e vai embora rápido (na maioria das vezes).
Agora vejamos o outro lado da moeda. Vamos combinar, que é muito bom ver a pessoa que você gosta sentir um ciuminho de você. Não sei qual é a sensação direito, mas chega perto da satisfação sabe?! Te lembra um pouquinho que você é querido também. Porque ciumes quando não excessivo, é normal sim em um relacionamento saudável. Quando o amor é reciproco! Aquela pessoa que não tem ciume, não significa necessariamente que não ame o parceiro (a). Dai sinceramente eu não sei explicar os motivos desses seres abençoados, porque ciúmes pra mim é tão natural e "de mim" que sei lá... Quem não tem eu bato palmas, porque é sim pessoa que confia em si mesmo. Ou não... ou sei lá o que auhauhaua fodasi vamos voltar a falar de mim, uma pessoa com neuras e ciumes hahahaha.
Mas bom, algumas vezes meus ciúmes nem tem uma razão concreta ou que faça sentido, conclusão... As vezes eu caio em delírio mesmo, mas acabo achando normal depois hahaha. Sorte que eu tenho um namorado super paciente que me entende. ahahhaha Mas instinto de mulher também... afiadas como "mãe de ná". hahahaha

Cd¹: Mulher realmente é um bicho complicado... Mas no fundo, no fundo... mesmo com todos os meus ciúmes e neuras básicas, meus pequenos desejos de bater, esfaquear, matar as piranhas (UHAUHAHUAHU), eu não sou tão BAD girlfriend assim. Porque se fosse com certeza já estaria sendo procurada pela policia por matar pessoas. HUAHAUHAAHAHU
Cd²: É meio ruim sentir ciumes, porém para o sujeito passivo do ciúmes, é até bom... revigorante. hehe
Ps: o amor é lindo e desperta sentimentos lindos e bons em você (?)

hahahahahahahahhaha

1 comentário:

  1. Manoo!
    Ciúmes é fodaa!
    Fabiano, vishi mainhaa!
    Ciumento pra caraai .. rs

    ResponderEliminar